Vamos falar de sexo... afinal somos mesmo livres?

A Medicina está, finalmente, a abrir a porta do quarto das Mulheres! Vamos falar de sexo.

Quando referimos os problemas na sexualidade, por norma, a primeira imagem é a do medicamento Viagra - para a disfunção erétil masculina, aprovado em 1998, como solução do problema para alguns homens. Mas as mulheres, que eram as suas parceiras, foram excluídas nesta revolução, continuando a ser um tema tabu para muitas.

Ler mais.

AS DISFUNÇÕES SEXUAIS FEMININAS AFECTAM 43% DAS MULHERES MAS ESTA CONTINUA A SER DAS QUESTÕES MÉDICAS MAIS SUB-DIAGNOSTICADAS.